Tenor brasileiro radicado em França desde 2000 onde rapidamente produz com Les Arts Florissants , A Sei Voce , Le Concert Spirituel  e Le Concert D’Astrée, entre outros grupos de renome, num repertório vasto indo da Renascença ao Classicismo, do sacro ao profano, cantando papéis como Acis  da obre Acis e Galatea de Haendel e também Lully, Bastien de Bastien e Bastienne de Mozart, Don Carlos e Tacmas, da ópera Les Indes Galantes de Rameau, os solos de tenor do Messias de Haendel, o evangelista e as árias das paixões segundo São João e São Matheus de Bach, assim como numerosas obras de compositores como Purcell, Monteverdi, Charpentier, Campra, Mondonville,  Couperin, entre outros. Marcio Soares Holanda está, actualmente, sob a orientação do tenor Guy Flechter e colabora frequentemente com o grupo Les Arts Florissants dirigido pelo célebre William Christie nos mais prestigiosos festivais internacionais.

Please follow and like us:
0