A partir do dia 13 de Outubro de 2020, a Fundação da Casa de Mateus integra na sua programação regular os fins e as formas de associação para as práticas interdisciplinares que foram a marca do Instituto Internacional Casa de Mateus. O Instituto foi criado em 1986 como um veículo de ligação entre Universidades e instituições da sociedade civil, com o objetivo de promover a discussão e investigação multidisciplinar em diferentes domínios científicos, políticos e culturais.

Cumpriu uma história rica, permitindo o exercício de um pensamento frutuoso sobre temas nucleares da sociedade portuguesa, com destaque para alguns domínios essenciais: a investigação dos oceanos, a genética, a educação e o papel das Universidades, as questões da democracia e da participação cívica, o pensamento sobre o território, entre muitas outras questões culturais e científicas de relevo.

Entre 2010 e 2015, as dez edições do programa Mateus DOC permitiram exercer de uma forma integrada e quase modelar os fins do Instituto, ao estimular o diálogo interdisciplinar entre jovens investigadores de diferentes áreas em torno de temas centrais à sociedade, em cada momento, ao propor aos participantes encarar os seus temas de reflexão e investigação numa perspetiva alargada, com a inclusão sistemática de pontos de vista exteriores à área científica respetiva.

Hoje, com esta transição, garantimos a continuidade de um espírito de interrogação e de ensaio sucessivo da reconstrução do presente, projetando a memória do Instituto Internacional Casa de Mateus num futuro que desejamos possível e enriquecedor.

 

Documentos:

Relatórios

Contas 2018

Contas 2019